26 de ago de 2009

O "evangelho" que não é Evangelho.

Cedo, porém, se esqueceram das suas obras e não lhe aguardaram os desígnios; entregaram-se à cobiça, no deserto; e tentaram a Deus na solidão. Concedeu-lhes o que pediram, mas fez definhar-lhes a alma - Salmos 106.13-15.

Nos encontramos em atitude semelhante quando em algum momento, ignorando a graça, a providência e misericórdias do Senhor o Cristo em nosso dia-a-dia, queixamo-nos daquilo que ainda não possuímos, invertendo a ordem "sobre-natural" da criação: desejando que o Criador sirva a criatura, e não o inverso.
Em meio aos desejos e cobiças humanas, perdemos a nós mesmos, mas acreditamos ter encontrado "tudo". A alma se definha em troca do ouro e da prata.
Desejamos mais os bens proporcionados pelo exercício da fé do que propriamente o Doador de tais coisas, e murmuramos como crianças mimadas.
Vejo muita gente por aí gozando de "benefícios" requeridos por fé, exercendo dons e ministérios. Gente que tem muito de "cristianismo" e quase nada de Cristo.
O quanto você tem sido guiado pela Bíblia?
Nem tudo que reluz é ouro, já dizia o poeta...
Que tipo de Evangelho você está vivendo?
O que te motiva a servir Cristo?
E, considere, acima de tudo a questão: Que tipo de igreja você quer?

Abraço manos e minas
E lembrem-se: os lobos estão soltos, mas eu tô na captura!
Pr Airton Quinelo Junior
PS: Como voces puderam ver essa postagem não é minha é de um grande amigo. Entendo que mais e mais pessoas devam ter acesso ao que foi dito acima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...